Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

[Entre Parêntesis]

Tudo o que não digo em voz alta e mais umas tantas coisas.

31
Jan18

Review da semana 26#

Carolina

Caixas de música na Conto de Fadas

 

“Quem sai aos seus não degenera”, diz o provérbio. E isso pode explicar o porquê de eu gostar de caixas de música - acho que posso agradecer à carga genética vinda da minha mãe. Na verdade não é nenhuma paixão assolapada, não perco a cabeça por um destes objetos - mas como adoro música de uma forma geral, o meu amor também se estende a estas peças, principalmente se as musicas forem do meu agrado (o que muitas vezes não acontece - acho-as normalmente repetitivas e irritantes).

Há uns dias estava no facebook e cruzei-me com um anúncio de uma loja de Viana do Castelo que vende, entre outras coisas, caixas de música. Não aquelas incríveis e bonitas, que valem mais pelo aspeto visual do que outra coisa (embora tenha algumas), mas simplesmente o realejo, com o cilindro rotativo e a pequena manivela para o fazermos “cantar”. Nunca me tinha lembrado de pesquisar estas coisas e imagino que no ebay e outros sítios que tais isto se venda ao preço da chuva, mas vi ali tantas musicas que gostava, a um preço tão simpático (menos de cinco euros cada) que mandei vir para pôr no meu quarto. 

Encomendei três: uma com a Yesterday, dos Beatles, para oferecer ao meu pai; outra com a Valse d’Amélie, do filme da Amélie, porque é talvez a minha musica preferida daquela banda sonora e às vezes atinge-me de tal forma que me apetece chorar as pedras da calçada; por fim comprei também um realejo (esse vinha mesmo dentro de uma caixa, que abre estilo livro) do Harry Potter, com o tema principal.

Aquilo que se ganha em comprar em lojas portuguesas em vez de no ebay - ainda que possivelmente se pague mais dinheiro -, para além de termos a noção de que estamos a ajudar a nossa economia e não outra do outro lado do mundo, é a simpatia com que nos tratam. Isto não é regra: há muita gente antipática e mal agradecida por aí, mas tenho tido experiências fantásticas ao nível das compras online em pequenas lojas portuguesas. Acho que as pessoas se aperceberam que muitas vezes, não podendo competir pelo preço, é no trato e nos detalhes que mora a diferença é isso sente-se. O pacote onde me enviaram as caixinhas era absolutamente amoroso, claramente feito com tempo e carinho, assim como o bilhete personalizado que estava dentro da encomenda.

É lógico que não estamos a falar de caixas de música hiper potentes ou de alta qualidade - dado o preço, não poderíamos esperar isso. Mas os produtos correspondem à expectativa e a forma como tudo foi tratado deixa vontade de comprar mais, quase como uma dose de mimo vinda diretamente pelo correio. A loja chama-se Conto de Fadas e pode ser visitada aqui.

 

IMG_9854.JPG

(a caixinha onde vinham as minhas compras)

 

2 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Leituras

A ler:



goodreads.com


2017 Reading Challenge

Carolina has read 0 books toward her goal of 15 books.
hide

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D

Ranking