Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Entre Parêntesis

Tudo o que não digo em voz alta e mais umas tantas coisas.

04
Fev14

O ginásio devia deixar de ter espelhos

Eu sei que ninguém concorda com isto: que é preciso ver os movimentos que o professor está a fazer, que em certos casos é bom para ver a coordenação com os nossos colegas, que dá para ver os nossos próprios erros e blá blá blá whiskas saquetas. Mas eu não gosto. Não gosto, primeiro, porque quando faço desporto, das duas uma: ou fico pálida, fazendo inveja a um zombie, ou vermelha, parecendo prima de um tomate. Em qualquer dos momentos, fico sempre horrível.

Mas também não gosto porque odeio ver as minhas figuras. A minha mãe diz que não, que eu me porto muito bem, mas eu tenho para mim que danço horrivelmente. E eu, normalmente, até me consigo rir de mim própria (os professores devem achar que estão a dar aulas a uma louca, porque há certos momentos que começo a sorrir - e às vezes a rir - como uma parva; o que eles não sabem é que me estou a rir de mim, da minha autêntica descoordenação de movimentos e da minha incapacidade de muitas vezes apanhar uma coreografia em tempo útil - porque quando lhe apanho o jeito, já todo o resto do pessoal está dois passos à frente), mas há dias em que não, deprimo mesmo por ser um desastre e por estar ali ao lado de pessoas que, aparentemente, conseguem fazer aquilo tudo com alguma facilidade e eu, embora me esforce, continuo a parecer um robô dançante. 

Se calhar é o meu trauma a falar mais alto. Eu digo isto na brincadeira, mas a brincar se dizem as verdades, não é? Nunca tendo sido eu uma pessoa muito à vontade com o meu corpo, vi-me obrigada a dançar em frente a pessoas durante três anos seguidos, com coreografias horrendas e humilhantes e muitas vezes usando roupas com as mesmas características. Dancei de anjo, andorinha e de mini-saia em frente à escola toda (e eu, anos mais tarde, andei muito de vestidinhos, mas naquela altura não usava mais nada para além de calças - veja-se, portanto, o drama). Aquilo mexeu comigo. Para a vida, quem sabe! 

Eu posso estar num bar ou uma discoteca, mexo os pés e um bocadinho da anca (aquilo que consigo mexer, porque eu tenho plena consciência que não conheço metade dos meus músculos e às vezes fico a olhar para certos movimentos e só me consigo perguntar "como é que ela fez aquilo?") e fico-me por aí. Ainda no ano novo estive a dançar com o meu tio (que sabe muito da coisa) e só eu sei o que me custou - é que, para além de dançar mal originalmente, ainda consegui dançar pior, por estar ali rígida e no pleno do meu desconforto. 

Enfim, o que uma pessoa não faz para tentar estar em forma! É legítimo as pessoas olharem-me incrédulas quando eu digo que faço Zumba - pelo menos aquelas que me conhecem, tendo em conta que todas as outras me dizem "não gostas de dançar? Como é que não gostas de dançar? Dançar é uma coisa maravilhosa!". Não, meus amigos, para mim dançar é tudo menos maravilhoso. E, de facto, nem eu sei como fui parar a uma actividade dançante... 

5 comentários

Comentar post

Pesquisar

Mais sobre mim

foto do autor

Redes Sociais

Deixem like no facebook:


E sigam o instagram em @carolinagongui

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Leituras

A ler:



goodreads.com


2019 Reading Challenge

2019 Reading Challenge
Carolina has read 1 book toward her goal of 12 books.
hide

Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Ranking