Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Entre Parêntesis

Tudo o que não digo em voz alta e mais umas tantas coisas.

24
Set16

Mais um para a minha bucketlist

Sempre soube que adorava viajar, mas este verão entendi verdadeiramente como me enchia a alma, me acrescentava enquanto pessoa, como me fazia feliz. Percebi que tenho de viajar enquanto posso, o mais que posso, para onde posso. Aliás, confesso que a partir de agora, uma parte do meu salário vai para um "vaquinha" que tem o intuito de me dar a possibilidade de viajar quando e para onde quiser.

Nos últimos tempos tenho-me dado com pessoas que viajam muito - em trabalho e em lazer - e esse meu lado de viajante e a curiosidade que tenho são cada vez mais aguçadas a cada história que ouço. Mas, honestamente, a parte que me custa em viajar é mesmo a dita viagem, do sítio Y para o sítio Z. Andar de avião custa-me cada vez mais, não por ter medo ou a comida ser sempre horrível, mas porque sinto que não somos tratados como pessoas mas sim como sardinhas em lata que, durante um determinado número de horas, não pode nem respirar fundo, com medo de sair fora daquele meio metro quadrado que temos para (sobre)viver. É desesperante. Tenho mesmo dado por mim com alguns sintomas de claustrofobia quando me meto num avião onde a viagem demora mais de duas horas. À vinda de Estocolmo, por exemplo, vi a minha vida a andar para trás quando vi que calhámos no último lugar do avião (ou seja, não podíamos recostar os bancos, enquanto que os da frente podiam, encolhendo ainda mais o nosso espaço) e à beira das casas de banho, onde as pessoas faziam filas de meia hora e se apoiavam na nossa fileira de bancos enquanto falavam das suas vidinhas e entravam (ainda) mais no nosso espaço pessoal. Foi das piores viagens que fiz até hoje.

Acho que foi ainda pior por, nos dias anteriores, me ter apercebido que há uma forma de viajar sem despender qualquer tipo de energia e de se poder fazer o que se quiser enquanto se anda - navegando, é claro. Num cruzeiro, uma pessoa pode ir ao teatro, ao cinema, ao restaurante, ler um livro, dormir ou ir à piscina enquanto vai de um sítio para o outro - e isso é só assim a melhor coisa deste mundo e do outro. Não tem de se conduzir, estar preocupado em não adormecer ao volante, estar atento à estrada e aos parvalhões que acham que são condutores de formula 1; não tem de se ir no lugar do pendura, a tentar não adormecer com o embalo do carro para tentar entreter o condutor que vai ao nosso lado, mantendo-o acordado; e, acima de tudo, não temos de ir duas horas mais cedo para o aeroporto e metermo-nos num bicho com asas onde não podes nem esticar uma perna. É maravilhoso.

E tudo isto é verdade a menos que tenhas a conta bancária recheada e possas viajar na Emirates, em particular em primeira classe. Uma das minhas viagens de sonho é a Austrália, por exemplo. São vôos com 30 horas, no mínimo (partindo de Lisboa), e normalmente com escalas pelo meio. É algo que quero e vou fazer, a menos que a vida me troque as voltas. Mas o meu sonho era faze-lo num avião a sério, com todas as regalias e confortos. Pode ser uma coisa de uma vez na vida, para nunca mais repetir, mas está seriamente na minha lista de sonhos e afazeres a médio e longo prazo.

Para terem uma ideia, vôos de ida e volta em primeira classe, Lisboa-Sidney, na Emirates ficam por cerca de 9 mil euros. Posto isto, vou só começar ali a amealhar e já volto.

 

Deixo-vos um vídeo do Casey Neistat, um dos melhores YouTuber's de há muito tempo (por ventura o melhor), que mostra os luxos de um vôo de longo curso da Emirates. Vale a pena ver, pois é de cair o queixo.

 

 

5 comentários

Comentar post

Pesquisar

Mais sobre mim

foto do autor

Redes Sociais

Deixem like no facebook:


E sigam o instagram em @carolinagongui

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Leituras

A ler:



goodreads.com


2019 Reading Challenge

2019 Reading Challenge
Carolina has read 1 book toward her goal of 12 books.
hide

Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Ranking