Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Entre Parêntesis

Tudo o que não digo em voz alta e mais umas tantas coisas.

20
Nov15

Espelho meu, espelho meu... há cabelo mais movimentado do que o meu?

Há dias estava a olhar-me ao espelho e reparei numa coisa: o meu cabelo está gi-gan-te! A sério, acho que seguramente há uns quatro anos que não tinha o cabelo assim - ou seja, desde que dei o primeiro corte radical e não quis outra coisa. Fui pesquisar nas fotos do instagram e, pelas minhas contas, o meu cabelo não vê uma tesoura há mais de um ano - e, por esta altura, já está a gritar por socorro, com mais pontas espigadas do que seria desejável.

Ainda assim, e já tendo passado pelo cabeleireiro para fazer outros serviços, ainda não me aventurei no corte, por uma simples razão: não sei o que hei-de fazer! Corto só as pontas e deixo crescer? Volto ao corte que me fez tão feliz - mais curto atrás e pontas mais compridas à frente? Faço repas/franja? Corto ainda mais curto, com um lado mais comprido para dar movimento (tipo isto)? Há todo um mar de questões que me assombram até me sentar naquela cadeira e quero ter certezas quando o fizer.

Andei estes meses a matar saudades do cabelo comprido: fiz-lhe uns puxos engraçados, tentei fazer umas tranças e uns penteados diferentes mas a verdade é que sou uma desgraça a fazer coisas a mim própria (já não sou muito boa a fazer no cabelo dos outros, mas no meu é uma tragédia). Por outro lado, passo a maior parte do meu tempo com ele apanhado, só na rua é que ando com ele solto. Na faculdade prendo-o para poder escrever sem cabelos à frente dos olhos, às refeições também o prendo para não caírem cabelos na comida, enquanto escrevo também o mantenho sempre amarrado para não ter de o estar sempre a prender por detrás das orelhas. No fundo, 85% do tempo ele está apanhado, o que me leva a crer que não usufruo do comprimento que ele agora tem. Para ajudar à festa, adoro aquela sensação de mudança que uma mudança de penteado nos traz, por isso estava tentadíssima em tentar algo diferente - só não sei bem o quê, até porque tenho ideia de que o último corte grande que dei, ao contrário do costume, não me soube pela vida.

Uma coisa está fora de questão: pintar o cabelo, fazer madeixas e esse tipo de coisas. Prometi a mim mesma que só pintaria o cabelo quando precisasse - e, infelizmente, com a quantidade de brancas que tenho com apenas 20 anos, não vai demorar muito tempo até ter mesmo de o pintar. Por isso, para já, quero manter-me autêntica e aproveitar a cor que tenho, porque sei que nenhuma tinta me trará esta cor de volta. Com tudo isto, as cartas estão em cima da mesa. Cabelo comprido? Cabelo curto? Franja (admito que tenho curiosidade em relação a esta!)? Que me dizem?

Como prova do meu cabelo gigantesco - relativamente àquilo que tenho tido - fica uma das últimas fotos que me tirei, onde o comprimento do cabelo é bem visível.

 

DSC_0242.JPG

 (podem aproveitar para dizer olá à minha nova objetiva, que só tenho há uns dias e já tem lugar cativo no meu coração!)

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Pesquisar

Mais sobre mim

foto do autor

Redes Sociais

Deixem like no facebook:


E sigam o instagram em @carolinagongui

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Leituras

A ler:



goodreads.com


2019 Reading Challenge

2019 Reading Challenge
Carolina has read 1 book toward her goal of 12 books.
hide

Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Ranking