Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Entre Parêntesis

Tudo o que não digo em voz alta e mais umas tantas coisas.

26
Abr16

E não é que vou mesmo ao cortejo?

Daqui a uma semana vou ao cortejo. Apesar de sempre ter ignorado todos os rituais universitários, decidi o ano passado (como partilhei aqui) que, no meu ano de finalista, iria cartolar e desfilar pelos Aliados. 

Este ano a prenda de aniversário do meu irmão foi especial também por isso: sabendo das minhas intenções, ofereceu-me o pack todo para poder ir. A cartola, a bengala, a roseta (será?) e a pasta com as fitas - tudo comprado no sítio onde a minha cunhada (que, para que conste, é como uma irmã para mim) comprou as coisas dela, quando acabou o curso. Quando vi a panóplia de coisas fiquei mesmo feliz e comecei logo a distribuir fitas - um inferno para toda a gente, já sei, mas que é um pormenor importante para mim. De todos os rituais e tradições que possam existir, aquela que envolve escrita tinha de ser a minha favorita - e é bom, de vez em quando, ter pessoas a escrever para mim; a situação normal é a inversa, comigo sempre a escrever sobre (e para) as pessoas, pelo que é agradável ler algo escrito propositadamente par mim. Sei que não vou ter muitas, porque é sabido que não tenho muitas pessoas a quem as entregar, mas sei que a família e os meus amigos mais próximos vão estar lá pelo meio. E confesso que já tenho vertido umas lágrimas com as coisas que tenho lido.

Decidi fechar este ciclo com uma festa e uma celebração diferente para mim, precisamente para festejar a minha "sobrevivência" a estes três anos de faculdade. Combinei esta ida com o grupo que mais me acompanhou nesta jornada, os poucos a quem posso chamar amigos, mas espero juntar-me a todos os outros que - de forma mais ou menos presente - fizeram parte dela. Não vou ser hipócrita - a faculdade não foi, para mim, pêra doce nem foi algo que me proporcionasse, diariamente, particular prazer; mas estou agradecida por tudo o que me deu, pelas pessoas que conheci, pela experiência de vida que me concedeu e por todas as coisas que vivi - sendo o Fora da Caixa a melhor coisa que me calhou na rifa, como toda a gente sabe.

Quero chorar o fim - tanto de tristeza como de alegria. Quero uma folga do estágio para estar com aqueles que, nestes dois anos e meio, fizeram parte de todos os meus dias. Vai ser bom.

2 comentários

Comentar post

Pesquisar

Mais sobre mim

foto do autor

Redes Sociais

Deixem like no facebook:


E sigam o instagram em @carolinagongui

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Leituras

A ler:



goodreads.com


2019 Reading Challenge

2019 Reading Challenge
Carolina has read 1 book toward her goal of 12 books.
hide

Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Ranking