Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Entre Parêntesis

Tudo o que não digo em voz alta e mais umas tantas coisas.

28
Mai19

A importância que os trackers têm na minha vida

De cada vez que alguém me vê a pôr cruzinhas na minha agenda já estou à espera da derradeira pergunta: "o que é isso?". Quando respondo ficam com uma cara ainda pior do que quando perguntaram, como quem diz "esta miúda é louca" ou "ninguém aguenta uma control freak desta espécie". A verdade é que já nem me dou ao trabalho de explicar.

Estou a falar dos trackers. Já tinha explicado aqui que, apesar de usar agenda, utilizo os espaços de notas para fazer dela uma espécie de bullet journal - onde cabem secções sobre temas a escrever aqui no blog e os trackers, as tais cruzinhas que preencho todos os dias. Foi a forma que arranjei de ir seguindo aquilo que fazia ou não fazia, nomeadamente quando publicava nas páginas de facebook e instagram que giro e quando faço posts aqui no blog; de um ponto de vista mais pessoal registo quando vou ao ginásio (esta é fácil: nunca), quando leio, treino piano e o meu humor (utilizando três cores: rosa choque para os dias maus, amarelo para os assim-assim, e azul turquesa para os bons). 

Esta gestão é importante para mim porque me localiza. Consigo ver rapidamente se tenho "produzido" muito ou não, onde é que tenho de publicar coisas com mais frequência, onde é que ando a falhar e tenho de apostar mais nos próximos tempos... Não o vejo como um controlo asfixiante das coisas, é apenas mais um método de organização e que me permite ter uma noção global de todas as minhas tarefas quase-diárias. 

Mas, acima de tudo, o balanço que faço diariamente do meu estado de espírito é mesmo muito importante. Parece ridículo, não é? É sempre aquela parte que choca mais as pessoas, eu auto-avaliar como foram os meus dias. Lembro-me sempre de um comentário que me deixaram aqui há uns anos, sobre o facto dos romanos terem o hábito de avaliar os seus dias quando chegava a hora de ir dormir. Metiam uma pedra branca num vaso se o dia fosse bom, e uma preta se fosse mau. Ao final do mês faziam o balanço. 

Eu não uso pedras - são pesadas e ocupam espaço -, mas os trackers são a minha forma de fazer um balanço ao fim do mês. E a verdade é que quando somos obrigados a pensar no nosso dia, quando meditamos a sério sobre as últimas 12 horas em que estivemos acordados e revemos as coisas por que passamos com mais frieza, tudo parece menos negro. As coisas que nos chatearam de manhã afinal não foram assim tão más e a reunião que foi uma seca a meio da tarde não foi capaz de estragar o nosso dia, até porque no fim tivemos um jantar que valeu por tudo o resto. Relativizamos. Pesamos acontecimentos. E, no fim, tendemos a agradecer pela vida boa que temos, porque chegamos à conclusão que afinal até são poucos os dias maus. É um exercício que nos obriga a focar no todo e não nos pequeninos dissabores que às vezes nos pintalgam os dias. 

Acreditem em mim. Deviam experimentar. Mesmo que no fim vos chamem control freaks maluquinhos.

 

habit-tracker-bohoberry2.jpg

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Pesquisar

Mais sobre mim

foto do autor

Redes Sociais

Deixem like no facebook:


E sigam o instagram em @carolinagongui

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Leituras

A ler:



goodreads.com


2019 Reading Challenge

2019 Reading Challenge
Carolina has read 1 book toward her goal of 12 books.
hide

Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Ranking