Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Entre Parêntesis

Tudo o que não digo em voz alta e mais umas tantas coisas.

10
Ago23

Doze anos depois, uma carta

Querido blog,

Passaram-se doze anos. Quando te criei ainda andava às turras com a matemática e não sabia que curso escolher; o meu sobrinho mais novo ainda não tinha nascido e eu descobriria nesse verão um problema crónico no pé; o Falcão ainda jogava no Porto, a Kate e o William acabavam de casar e o Bin Ladden tinha sido morto há pouco tempo; a saga Twilight ainda não tinha chegado ao fim, o Salvador Sobral ainda não tinha ganho a Eurovisão e Portugal ainda não tinha vencido o Europeu. Não adivinhávamos que ia haver uma pandemia. E eu não sabia que ia encontrar o amor da minha vida ou que me ia casar; da fábrica, nessa altura, era capaz de recordar o cheiro a óleo e pouco mais, não pensando que um dia pudesse chamar de "meus" todos aqueles teares e máquinas bonitas.

Passaram-se doze anos. Ia escrever que tinham sido anos basilares da minha vida, onde tanta coisa aconteceu - mas a verdade é que são mais de quatro mil e trezendos dias e, independentemente da fase da vida em que nos encontremos, muita coisa pode acontecer nesse período de tempo.

Passaram-se doze anos. Acabei o secundário, tirei um curso, comecei a trabalhar num jornal, tirei uma pós-graduação, dei aulas de piano, fiquei com a fábrica, conheci o Miguel, comecei a namorar, fiquei noiva, casei-me, aprendi a não odiar desporto. Viajei muito. E, pelo meio, escrevi alguma coisa. Devia ter escrito mais, não devia?

Passaram-se doze anos - tempo suficiente para eu me esquecer do dia em concreto em que nasceste. Por isso, desculpa: a verdade é que, ao longo deste período, a memória não tem vindo a melhorar. Achei que o teu aniversário era dia 11 de Agosto - mas, quando fui aos registos, reparei que afinal era dia 6 e que havia deixado escapar a data especial. Já não tenho 16 anos como antigamente. Sabes que já tenho muitos cabelos brancos, querido blog?

A vida passa, mas tu ficas. Os amigos vão e vêm, mas tu ficas. A casa muda-se, as pessoas entram e saem, os empregos trocam-se, mas tu ficas. As recordações desvanecem-se, mas como tu ficas, elas vêem-se na obrigação de ficar retidas também. És o meu livro de memórias, o meu caderno de apontamentos, o meu álbum fotográfico, o meu guia de viagens. És o espelho do que fui - e do que vou sendo todos os dias. Tens o aroma do mar nos posts sobre os cruzeiros, o cheiro a livros nas minhas críticas literárias e a bafio nos dias em que escrevo chateada. Guardas em ti as lágrimas de saudade quando recordo alguém e a dor que me sai do peito quando finalmente consigo passar para palavras aquilo que me ferra a alma. És a minha vida em meia dúzia de palavras - que, parecendo muitas quando olhamos somente aos números, são poucas para tudo aquilo que penso e reflito ao longo dos dias.

Registam-se em ti 4059 entradas e quase 16 mil comentários. Este ano vai a pouco mais de meio e já escrevi mais do que em 2022 - uma promessa que fiz e que, apesar de dura, me está a dar muito gozo cumprir. Quero muito continuar. Tinha saudades tuas e do relatar da minha vida. Tenho saudades do tempo e da disponibilidade mental que antes tinha para escrever - passaram doze anos e nada é como dantes. Mas a vida continua, e tu com ela. Que seja por muitos mais anos.

Parabéns atrasados, Entre Parêntesis!

Sempre tua,

Carolina (versão 2023)

Pesquisar

Mais sobre mim

foto do autor

Redes Sociais

Deixem like no facebook:


E sigam o instagram em @carolinagongui

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Leituras

2024 Reading Challenge

2024 Reading Challenge
Carolina has read 0 books toward her goal of 25 books.
hide


Estou a ler:

O Segredo do Meu Marido
tagged: eboook and currently-reading
A Hipótese do Amor
tagged: currently-reading
I'm Glad My Mom Died
tagged: currently-reading
Spare
tagged: currently-reading

goodreads.com

Arquivo

    1. 2024
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2023
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2022
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D