Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Entre Parêntesis

Tudo o que não digo em voz alta e mais umas tantas coisas.

29
Mar12

Uma Lisboa para conhecer, por Gwyneth Paltrow

E Portugal (mais precisamente Lisboa - pena também não inclui o Porto), que se diz sempre estar no fim do mundo e que ninguém conhece e que é uma desgraça, foi alvo de um guide tour feito por Randy Poster, um dos produtores que veio cá aquando do Festival de Cinema do Estoril 8que eu estive a um nadinha de ir ver). A Gwyneth Paltrow, que pelos vistos sempre teve curiosidade em visitar o nosso cantinho à beira-mar plantado, pediu-lhe um guia das coisas que tinha gostado e visitado na capital, pelo que depois o publicou no seu site.

Vale a pena ver, aqui. (Enfim, tem uma breve referência ao Porto, que parece ter sido uma escala na viagem que fizeram; alguém que lhe diga que a Invicta também tem coisas giras e típicas também para ver, por favor!)

 

29
Mar12

Relembrando

Estive a rever (partes, partes muito ínfimas) na minha entrevista do cinemax. Chego à conclusão que me esqueço muitos dos bons momentos que passei ao longo dos últimos anos, e tinha ali uma ferramenta ali bem à mão para reviver todo aquele mix de nervosismo e alegria que estava a sentir naqueles momentos.

Apesar de me insultar a toda a hora e morrer de vergonha por algumas coisas que disse, salta-me um sorriso gigante ao ver-me ali. Foi bom, foi tão bom.

28
Mar12

Isto lembra-me algo... 1#

 

Conheci a If I Ruled the word (e o Jamie Cullum) no verão de 2010. Ouvi-a num blog que, infelizmente, já não existe - um blog que seguia a par e passo, que falava de um romance assolapado e belíssimo que, como tudo na vida, teve um fim. Sei que se a autora tornasse a escrever algo (como já fez), eu reconheceria a sua escrita na hora. Talvez um dia.

Sempre que ouço isto lembro-me de estar sentada na minha cama em frente ao computador - na altura um portátil que fora do meu pai e que pouco tempo depois pifou. Lembro-me de lutar contra o sol que entrava pelas janelas, porque o quarto tinha sido pintado há pouco tempo e as cortinas ainda não tinham sido colocadas (nem compradas). Lembro-me do cheiro a tinta e de gostar muito do que via à minha volta. Lembro-me de Madrid e de estar a comer os maravilhosos bolinhos que lá comprei ao som desta bela música. Traz-me alguma saudade.

28
Mar12

Sabem uma coisa que abomino?

Marias-nabiças. Sim, aquelas do ditado "é uma Maria-nabiça; tudo o que vê tudo cobiça!".

Acho que todos temos uma Maria-nabiça dentro de nós. Sempre que vemos alguém a comer um chocolate, ou umas pipocas ou simplesmente uma peça de fruta, apetece-nos. A mim também me apetece - mas eu resisto! Odeio quando estou a comer uma torrada com manteiga e me vêm cair em cima a pedir um bocadinho; ou quando compro um chocolate no bufete e os meus colegas, quais abutres esfomeados, me perseguem atrás de um pedacinho. Odeio, odeio, odeio. E depois passo por má, horrível, uma egoísta de primeira.

Eu sou apologista daquela famosa deixa "não faças aos outros o que não gostas que te façam a ti". Ora, eu fico a salivar a olhar para os chocolates dos outros - mas não peço! Portanto, pequenos abutres, longe da minha comida! Há por aí muito que se coma e muito onde se comprar - não é preciso andar a rapinar a comida dos outros! Arre.

 

P.S.: Eu até empresto dinheiro para um chocolate. Agora: do meu não, ok?

27
Mar12

A menina do costume

Por vezes, quando a preguiça anda por estas bandas, vamos buscar comida a um take away. Para não estarmos lá à espera, encomendamos, e depois é só levantar. No entanto, devido a várias razões, deixamos de lá ir tão frequentemente.

Mas hoje a preguiça atacou e eu lá liguei:

 

- Olá, boa noite. Gostaria de fazer uma encomenda, por favor.
- Diga, diga.

- É uma dose de lombinhos, com arroz e feijão.

- Ok! É para a menina do costume, não é?

 

"A menina do costume". Este pessoal até já me reconhece pela voz. Ri-me muito.

27
Mar12

Benfiquistas é assim...

Na quinta-feira, eu e a minha mãe fomos ao Leroy Merlin ali à beira do Mar Shopping, comprar uns azulejos para colocar na piscina. São giros, com uns quadradinhos azuis.

Compramos dez caixas, sendo que cada uma delas pesava uns 20kgs. Ora, as dez caixas no carrinho faziam com que movimenta-lo fosse algo complicado - mas eu consegui! O pior foi passar na porta, com os caixilhos que tem no chão para as portas deslizarem. Eu bem que empurrava mas aquilo não passava, por muita força que eu fizesse. E, por isso, chamamos um dos empregados e pedimos que nos desse uma ajudinha.

Lá tirou o carrinho daquele impasse ingrato e ainda o levou para a beira do automóvel. A meio do seu caminho decidiu comentar a cor dos azulejos: "azulejos... se fossem vermelhos eram melhores...". Num erro crasso e pouco comum na minha mãe, ela respondeu-lhe, falando do último jogo Porto-Benfica (o que o Porto ganhou) - e era claramente a essa guerra de clubes que ele se referia. O senhor ripostou "pois, vocês têm é a memória curta...!". E pronto, pisou-me oficialmente os calos. Ainda tenho aquele bichinho do futebol aceso, sendo que me tinha contido na primeira investida, mas à segunda já era demais. "Nós é que temos memória curta? Ahah. Vocês é que devem estar a esquecer-se de umas mãozinhas e de uns penáltis por marcar." E pronto, ele calou-se.

"Estão servidas, não estão?", disse ele quando chegamos ao carro. Dissemos que sim. Saiu com um meio glorioso, porque sabia que tinhamos dez caixas pesadíssimas para carregar para o automóvel.

Enfim, é tão glorioso como o seu clube. Para além de imbecil (porque nós somos clientes e ele não tem nada que fazer comentários) provou ser um idiota que de cavalheiro não tem nada. E eu provei ser a portista que não preciso de um benfiquista-pseudo-glorioso-de-orgulho-ferido para me carregar azulejos, mesmo que eles pesem 20kgs cada.

Ao que isto chegou.

Pesquisar

Mais sobre mim

foto do autor

Redes Sociais

Deixem like no facebook:


E sigam o instagram em @carolinagongui

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Leituras

A ler:



goodreads.com


2019 Reading Challenge

2019 Reading Challenge
Carolina has read 1 book toward her goal of 12 books.
hide

Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Ranking