Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

[Entre Parêntesis]

Tudo o que não digo em voz alta e mais umas tantas coisas.

22
Out12

As minhas previsões saíram ao lado

Carolina

Depois de ter ido tirar as fotos ao fotografo (que primeiro pensei que tinha ficado horrendas, terríficas, medonhas, mas depois lá me apercebi que não estavam tão mal quanto isso) segui para a Loja do Cidadão.

Tirámos a senha e o tempo de espera foi o equivalente ao tempo que demoramos a chegar ao local (já referi que aquilo é um autêntico labirinto cheio de obstáculos em forma de gente?). Fui atendida por uma sósia da personagem Sybill Trelawney do Harry Potter (ver foto aqui), que nos despachou bem rápido. As fotos, ao final de contas, eram dispensáveis, visto que agora é tudo feito com aquelas máquinas onde também se tira o cartão de cidadão.

E se eu achava, inicialmente, que a minha foto-passe estava medonha, era porque ainda não tinha tirado aquela. Como é normal, fiquei com cara de prisioneira (aquelas máquinas têm um dom de pôr as pessoas assim, não entendo porquê). Mas, para além disso, por estar quente ou estar a fazer uma alergia, estava ruborizada como um tomate. Ficou lindo. O que uma pessoa não faz por uns vistos na caderneta.

22
Out12

Passaporte

Carolina

(escrevi este post ontem)

 

A esta hora estou eu a caminho da loja do cidadão ou a fazer pose para o fotógrafo, para as minhas novas fotos tipo passe.

Numa conversa milagrosa com o meu pai, dentro do carro algures na baixa, falámos do passaporte - e saltou-nos a ficha. Vamos precisar do passaporte dentro de menos de um mês e nem sequer verificámos se estavam dentro dos prazos. Os dos meus pais estão, o meu nem por isso.

Tirei-o em 2006, quando fui ao Brasil, e nunca mais o usei. É, por isso, o único visto que tenho - e último que aquele passaporte vai ter. Por ser menor, este caduca em 5 anos, por isso já desde há um ano para cá que já não estava usável.

Ir à loja do cidadão é um desafio à paciência de qualquer um - filas gigantescas, gente mal-educada por todo o lado e horas de espera. Tudo por um passaporte para uma viagem que está destinada ao fracasso, só pela viagem de ida (que é dia 14, mas que estamos a fazer os possíveis para alterar). Vamos lá ver com que estado de humor chego a casa.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Também estou aqui!

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Leituras

A ler:



goodreads.com


2017 Reading Challenge

Carolina has read 0 books toward her goal of 15 books.
hide

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D

o